Duelo de líderes

Lusa bate Nacional e derruba o último invicto

01/07/2017  

O último invicto do primeiro turno caiu neste sábado (01). Após vencer 4 jogos e empatar 1 no Paulista Fut7, o Nacional conheceu em seu adversário e também líder do grupo 1, a Portuguesa bateu por 2 a 1 os nacionalistas.

O jogo foi bem movimentado e com disputa por espaços em quadra a todo instante. A Lusa melhor postado no seu sistema defensivo tinha os contra-ataques com Jean o pivô da equipe, as finalizações de maior perigo.

Com quinze minutos da primeira etapa, Eduardo abriu o marcador para a Portuguesa e incendiou ainda mais o jogo que acontecia na Arena Nacional Fut7 em São Paulo, na zona Oeste da capital paulista, tarde bem fria.

O jogo foi até o final da primeira etapa, sem mais alteração no placar, que terminou com a vitória parcial da Lusa.

O Nacional voltou melhor para segunda etapa. E aos ’40 segundos, Fabinho em um belo chute cruzado venceu Maicon e empatou a partida para o Nacional.

A Lusa mantinha a sua melhor postura defensiva dentro de quadra. Quase que intransponível para o ataque adversário que tentava a toda maneira invadir o meio da equipe rubro-verde, aumentando em muito os erros de passe ou parando na boa atuação do goleiro Lusitano.

Aos quinze da segunda etapa, em uma jogada difícil de ser analisada, a Lusa reclamou de um pênalti, sobre o jogador Jean, a dupla de arbitragem, entendeu como jogada normal e deu sequência ao lance. Muitos entenderam que não foi pênalti.

Logo em seguida, Jean um dos mais acionados da equipe Rubro Verde, colocou a Lusa novamente a frente do marcador e uma vibração tremenda por parte dos torcedores presentes, que acompanhavam a partida na arena de número 3.

A partir daí, o sistema defensivo do técnico Dacal foi ainda mais testado, com o Nacional pressionando, usando todos os espaços que tinha em quadra, pressionando de tal forma, que em alguns momentos a equipe da Lusa, mantinha duas linhas com 3 atletas bem próximos uns dos outros, lembrando bem de longe o campo.

A poucos minutos do final do jogo, Jean tomou cartão amarelo, e por insistência em reclamação tomou o vermelho, prejudicando a Lusa, que teve que segurar o resultado de forma heroica com um atleta a menos em quadra.

Com o fim da partida e vitória da Portuguesa por 2 a 1, o Nacional caiu para segunda colocação, atrás do Grêmio Osasco com os mesmos 13 pontos, de acordo com os critérios da competição.

A Lusa volta aos gramados sintético em 15 de Julho quando encara o Santos, a partir de 12h45. Já o Nacional recebe o Guarani no mesmo dia, a partir de 17h45. Todos os jogos serão realizados na Arena Nacional Fut7.

Fotos e texto: Tercio Nurnberg

Top